Revestimentos com pastilhas de porcelana – Viaduto Santa Efigênia

Temos no mercado as famosas pastilhas de vidro bisotadas (cantos levemente arredondados) e artesanais (destaque para a brasileira Vidrotil). Tivemos uma evolução muito grande no tocante as pastilhas de vidro sejam nacionais ou importadas nos últimos anos. E tem as de porcelana que são muito utilizadas como revestimento para fachadas expostas à ação da maresia ou do sol (que como as de vidro são extremamente duráveis).

Na cidade de São Paulo temos uma obra de extrema beleza e muitas vezes esquecida pela população e visitantes. Sempre se lembram das pontes estaiadas da cidade nas 2 marginais e se esquecem do Viaduto Santa Efigênia no Centro da cidade. Algumas décadas atrás o viaduto Santa Efigênia teve seu piso totalmente reformado de acordo com o original. A fabrica de pastilhas de porcelana Jatobá foi encarregada de produzir as pastilhas e deixá-lo como na sua criação, você se lembra:

d2

Coisa linda de se ver e mesmo caminhar por ali. Eu passava sempre no viaduto me deslocando da Santa Efigênia para o Centro, ali onde hoje tem a Casa de doces portugueses Mathilde na Praça Antonio Prado com Rua São Bento.

Lembro perfeitamente que toda a sua estrutura de ferro foi recuperada. È uma área que deveria ser reabilitada totalmente, pois na minha opinião é um cartão postal da cidade. Em quantos países vamos e suas pontes recebem inúmeros visitantes.

Veja a imponência do viaduto, coisa linda de se ver:

Nos finais de semana muita gente vai para a Paulista, Minhocão e esquecem do Santa Efigênia.

Porém…

Vejam o estado atual do piso do viaduto, coitado:

Foto: Douglas Nascimento / São Paulo Antiga

Com um pouco de esforço e dedicação dá para recuperá-lo.

É só fazer uma parceria com empresas e uma das fabricantes de pastilhas de porcelana (que produzam nesse tamanho).

Temos 3 grandes fabricantes de pastilhas de porcelana no Brasil:

NGK

Fundada em 1936, em Nagoya, no Japão, a NGK é referência global nos setores automotivo, cerâmico e de revestimentos porcelanizados.

A unidade produtiva NGK está localizada em Mogi das Cruzes, São Paulo. Trata-se de uma área total de mais de 611 mil metros quadrados, sendo mais de 66,5 mil metros quadrados de área construída.

A NGK é conhecida na área automobilística com suas velas de ignição:

Veja a qualidade que deve ter uma vela de ignição com porcelana, claro:

E as pastilhas de porcelana da NGK? São ótimas:

LINHA GRAN PRIMITIVE | Padaria Empório SP (Fotógrafo Ronaldo Rizzutti)

LINHA GRAN PRIMITIVE | Expo Revestir 2012 (Fotógrafo Ronaldo Rizzutti)

Jatobá

É uma fabricante genuinamente nacional. Diz o site da Jatobá: A indústria iniciada no final dos anos 40, tornou-se hoje uma das maiores e mais importantes fabricantes de pastilhas de porcelana do Brasil. Com duas fábricas em Vinhedo que ocupam 25 mil m² de área e empregam mais de 400 funcionários. Muito trabalho e entusiasmo nos permite fazer parte da história da arquitetura brasileira: Copan, edifício Martinelli, Viaduto Santa Efigênia, Banespa, Bienal, Igreja da Pampulha, etc, são algumas das obras que nos orgulhamos de ter realizado, também participamos frequentemente de eventos como CasaCor, São Paulo Fashion Week e Expo Revestir. Em nossa história já produzimos mais de 40 milhões de m².

d1

Atlas

Localizada na cidade de Tambau-SP, há 50 anos no mercado. Diz o site da Atlas: Atualmente a Cerâmica Atlas é conhecida  como a indústria de pastilhas de porcelana e revestimento cerâmico que atingiu o mais alto nível de qualidade, volume, grande variedade de formatos, desde as pequeninas pastilhas de porcelana, as únicas fabricadas no Brasil com tamanho 1,5 x 1,5 cm até os revestimentos cerâmicos com 5 x 23 cm.

Mas para conseguir esse reconhecimento percorreu uma longa trajetória, marcada por muito trabalho, superação e sucesso. No início a Cerâmica Atlas possuía uma área de 400 m² e fabricava 12.000 m² por mês de um único tipo de revestimento, pastilhas de porcelana no formato 2 x 2 cm, e atendia construtoras que utilizavam esse produto para revestir fachadas de prédios.

Atualmente com 53.523 m² de área coberta a sua produção é de 450.000 m²/mês e atende Construtoras (fachadas internas e externas de edifícios), revendas e boutiques de revestimentos cerâmicos que tem como público Arquitetos, Designers e consumidores finais.

Arena do Grêmio:

Estádio do Grêmio

Estádio do Grêmio

Arena do Corinthians:

Arena Itaquera - 05

Maracanã:

Estádio do Maracanã

Estádio do Maracanã

As piores ruas da cidade de São Paulo ou trechos

Gostaria de convidar o Prefeito da cidade de São Paulo para dar uma volta na Avenida do Guaca no trecho que começa na Rua Francisco Ranieri, como marcado em vermelho na foto abaixo.

É inacreditável o que o seu carro pula ao passar nesse trecho. Minha gente, não tem como dar uma acertada no asfalto?

É pedir demais, que se faça os reparos das ruas com qualidade? Ou refazer um trecho que de tanto remendo está horrível?

E ninguém reclama? Ou, está certo aquele caminhãozinho que passa nas estradas e joga um punhado de asfalto no buraco e você tem que acertar com seu carro e depois não pagam a lavagem? Socorro? Porcaria!

2a