Flores comestíveis – Fazenda Maria, em Tatuí-SP

A moda são os programas e concursos que tratam de alimentação. Tem a simpática filha do Gil: Bela Gil e muito mais programas.

E as flores comestíveis estão sendo muito utilizadas, pois além de suas qualidades trazem um colorido para os pratos.

Estamos apresentando alguns produtores de sementes orgânicas, entre as quais encontramos inúmeras variedades de sementes de flores.

E a Fazenda Maria tem se destacado na divulgação e venda de flores comestíveis. No início de julho teremos um evento muito interessante na Fazenda Maria. Em tempo, eles também produzem produtos orgânicos além das flores.

As informações que apresentamos abaixo foram tiradas do Blog e site da Fazenda Maria:

IMG_3265

A Fazenda Maria é um empresa familiar, formada por um engenheiro agrônomo, 2 psicólogas e 1 publicitária. Hoje, todos reunidos, viraram empresários em prol da Fazenda Maria, que tem a intenção de melhorar a qualidade do cultivo no Brasil, através de métodos sustentáveis e manejo orgânico, proporcionando saúde e bem-estar à mesa de nossos clientes. E, claro, não deixando de lado nosso lado decorativo  e sensorial da gastronomia, com a produção de micro leaves, flores comestíveis e ervas aromáticas. Tudo direto da Fazenda

Os produtos são manuseados e higienizados em cozinhas apropriadas, com funcionários especializados e treinados. Nossa colheita é diária, tentando atingir a necessidade dos clientes de terem sempre um produto fresco em mãos. Assim que são devidamente embalados, são armazenados em câmara fria e transportados em carro refrigerado.

No tocante às flores comestíveis, é nas pétalas das flores que se encontram os compostos antioxidantes, os minerais e as vitaminas. A cor, manifestada por estes órgãos, justamente se sobressai devido a presença desses micronutrientes. Quanto maior o teor de compostos fenólicos presentes nas flores comestíveis maior a atividade antioxidante delas. Elas possuem diversos compostos fenólicos (ácido gálico, quempferol, quercetina, apigenina, ácidos clorogênicos, etc.). Os teores destes compostos variam ao longo da maturação da flor e também ao longo do armazenamento, após a colheita, pelo que também a atividade antioxidante sofre variações.

A cor das flores reflete, no essencial, os teores e tipos de carotenóides e antocianinas presentes. Os teores destas últimas estão associados aos níveis de flavonóides totais, logo à atividade antioxidante.

Na Fazenda Maria cuidamos de cada plantinha com muito carinho, respeitando o espaço e o tempo da natureza. Utilizamos a cadeia alimentar e meios não artificiais para eliminarmos pragas e doenças. Os nutrientes fundamentais para o desenvolvimento de uma planta estão todos disponíveis na natureza, basta aprendermos a transformá-los e torná-los disponíveis para elas. Tal sabedoria dispensa a compra de inúmeros insumos disponíveis no mercado.

Por exemplo, em uma infestação por lesmas existem algumas opções de biocontrole.

Estamos em busca constante para manter a harmonia entre a produção e a natureza. Produzimos produtos que respeitam a natureza e também são respeitados pelas mãos dos produtores: somos contra o uso de produtos tóxicos, prezamos pelo manuseio de produtos artesanais, assim como uma boa adubação, o que proporciona também à planta meios “próprios” de se proteger contra pragas e fungos. A irrigação é feita com água de poços artesianos, portanto 100% naturais e livres de impurezas. Como a maioria de nossos produtos são de origem européia, necessitam de cuidados através de estufas e climatização. As sementes também são selecionadas e preservam um aroma mais intenso.

Débora na Fazenda:

Rareseeds (Baker Creek Heirloom Seed) – preservando sementes

A Baker Creek Heirloom Seeds (Rareseeds) faz um trabalho incrível na preservação de sementes orgânicas. Preservando espécies e sem hibridação.

Bean-Old-Homestead-(Kentucky-Wonder-Pole)-LSS-000_7724

A Rareseeds (Baker Creek Heirloom Seed) em sua mensagem anual: “Ainda é nosso objetivo preservar esses tesouros genéticos (sementes) em uma escala maior e maior a cada temporada, e atualmente estamos listando cerca de 1850 variedades de 100 países ou tribos (races, family) em nosso site e em nossos catálogos. Em 2017, é mais importante do que nunca que as pessoas saibam de onde sua comida está vindo! As quantidades registradas de pesticidas que estão sendo pulverizadas porque mais culturas estão sendo projetadas geneticamente para resistir a uma variedade cada vez maior de substâncias químicas. Ao mesmo tempo, muitas das grandes empresas de sementes e químicas de biotecnologia estão se fundindo e, assim, permite que o abastecimento de sementes e alimentos da América seja controlado por um punhado de homens que muitas vezes só pensam nos lucros e nos preços das ações. Nós acreditamos que temos um direito sagrado de salvar sementes e cultivar nossa própria comida, livre de patentes e nós encorajamos você a salvar sementes e passar para outras pessoas! Não há nada mais importante para construir uma comunidade do que uma troca de sementes ou apenas o simples ato de passar sementes de jardineiro para jardineiro em seu quintal. Por favor, salve e compartilhe sementes!

Como nasceu a Rareseeds:

Jere Gettle sempre teve paixão por o crescimento das coisas (plantas, etc.), e aos 3 anos planejou e fez seu primeiro jardim. Desde então, ele queria estar envolvido na indústria de sementes. Assim, em 1998, aos 17 anos, ele imprimiu o primeiro catálogo de sementes da Baker Creek. A empresa cresceu até oferecer atualmente sementes de cerca de 2.000 variedades de vegetais, flores e ervas – a maior seleção de variedades de herança nos EUA.

Malope Mix

Malope Mix – sementes de flores.

Baker Creek tem uma das maiores seleções de sementes do século 19, incluindo muitas variedades asiáticas e europeias. A empresa tornou-se uma ferramenta para promover e preservar nosso patrimônio agrícola e culinário. A empresa com suas sementes foram apresentadas no New York Times, The Associated Press, Oprah Magazine, Martha Stewart, The Wall Street Journal e muitos outros. Os jardineiros podem solicitar um catálogo colorido grátis. Nossos catálogos são distribuídos para mais de 625.000 produtores orgânicos a nível nacional.

Chioggia (Bassano) Beet

Chioggia (Bassano) Beet (beterraba)

Baker Creek começou a hospedar festivais em 2000 como forma de reunir os produtores e entusiastas da comida natural para trocar idéias e sementes, ouvir oradores e conversar com vendedores, música antiga e muito mais. Esses festivais deram à luz a ideia de uma vila pioneira, Bakersville. Outros projetos incluem os nossos jardins de ensaio que cultivamos a cada ano, expedições de recolha de sementes e exposições de produção educacional.

Ao longo dos últimos anos, Jere Gettle e sua esposa Emilee se ramificaram para outros projetos relacionados. Eles também se expandiram para um local no condado de Sonoma, Califórnia, na bela cidade de Petaluma e continuam com a restauração e preservação do marco Wethersfield, CT, Comstock, Ferre & Company, a empresa de sementes mais antiga e continuamente operada na Nova Inglaterra.

Strawberry

Morango amarelo – preferido na Europa

O Gettles publicou dois livros com o Hyperion. Estes livros apresentam vegetais de herança e seu trabalho com sementes e alimentos. Depois de publicar The Heirloom Life Gardener em 2011, eles lançaram The Baker Creek Vegan Cookbook em 2012.

Jere e Emilee também trabalham extensivamente para fornecer sementes gratuitas a muitos dos países mais pobres do mundo, bem como na vizinhança, em jardins escolares e outros projetos educacionais. É seu objetivo educar todos sobre um abastecimento de comida melhor e mais seguro e combater o frankenfood (transgênicos) alterado por genes e as empresas que o apoiam.
Oferecemos mais de 1850 variedades finas! Sementes únicas de mais de 100 países!

Colhendo os produtos:

Loja para venda em San Francisco, na Califórnia (ministram cursos também):

Na fazenda tem até Hotel, para participar de alguns eventos locais:

E no site da rareseed, lemos:
“A agricultura e as sementes fornecem a base sobre a qual nossas vidas dependem. Devemos proteger esta base como uma fonte segura e geneticamente estável para as gerações futuras. Para o benefício de todos os agricultores, jardineiros e consumidores que querem uma alternativa, prometemos não omprar ou vender semente ou planta geneticamente modificada. A transferência mecânica de material genético fora dos métodos naturais e entre gêneros, famílias ou reinos traz grandes riscos biológicos, bem como ameaças econômicas, políticas e culturais … ”

Glass Gem Corn Seeds

Milho de pipoca colorido (no site da empresa – shop – dizem: Criada de variedades nativas por Carl “White Eagle” Barnes, o famoso colecionador de milho Cherokee, a quem devemos nossa gratidão pelo trabalho de sua vida de colecionar, preservar e compartilhar tantas variedades de milho nativas).

Provando variedades de cenouras:

Uma ideia do catálogo da empresa:

Feira de orgânicos na Califórnia (rareseeds é sua grande incentivadora):

Sementes orgânicas Bejo

Todo cuidado é pouco ao se comprar as sementes para produção de produtos orgânicos.

Bejo Zaden

A Bejo produz sementes de hortaliças convencionais e também as orgânicas.

Desde o princípio a Bejo é também um importante fornecedor para o produtor orgânico. As sementes destinadas aos seus clientes do cultivo orgânico são submetidas exclusivamente a tratamentos físicos. A seguir apresentamos mais informações sobre o programa de sementes voltado ao produtor orgânico, tão importante para esse setor que cresce exponencialmente.

  • Melhoramento genético, produção, beneficiamento, recobrimento e venda de sementes orgânicas
  • Garantia de Qualidade: os mesmos padrões de qualidade Bejo das sementes convencionais aplicados às sementes orgânicas
  • Disponibilidade: sementes orgânicas de qualidade Bejo em mais de 150 cultivares em 40 culturas
  • Vendas: líder em sementes orgânicas de culturas bianuais
  • Testes da adequação de novos cruzamentos em campos de ensaios orgânicos, em diversos países para evitar plantas fora de tipo em nossos híbridos de Brássicas (fazem parte desse grupo a couve-flor, o repolho, brócolis, couve-manteiga, couve de bruxelas, mostarda, nabo, agrião, rabanete e rúcula. Além de vitaminas, minerais, fibras e outros nutrientes, essas hortaliças apresentam compostos bioativos, que podem produzir efeitos benéficos sobre a saúde. Podem evitar a formação de vários tipos de câncer, incluindo de estômago, esôfago, pulmão, faringe, útero, pâncreas e cólon)
  • utilizam o sistema de incompatibilidade genética, em substituição à fusão de protoplasma, CMS, proibidos pela legislação brasileira da produção orgânica
  • Adequação do tratamento de água quente para combate de doenças transmissíveis por sementes
  • pesquisa de novos métodos de beneficiamento, como tratamento a vapor, para combate de doenças transmissíveis por semente
  • pesquisa de recobrimento de sementes com componentes naturais
  • Produzidas em regiões com condições climáticas ideais
  • Tem locais de produção na França, Itália, Estados Unidos, Holanda e Nova Zelândia
  • Conduzida por especialistas, para obter a melhor qualidade nas sementes
  • Assistência Técnica e serviços profissionais para apoio ao produtor
  • E grande envolvimento com temas ligados aos agronegócio orgânico.

– repolho crespo.

Historia da Bejo:

Cor Beemsterboer e Jacob Jong foram verdadeiros pioneiros do desenvolvimento de sementes. Há mais de um século atrás um filho de um padeiro e um quitandeiro se especializaram no cultivo e seleção de repolhos, cenouras e cebolas. Em 1963 investiram juntos numa nova técnica de hibridação. Foi grande sucesso e que resultou na fusão das duas empresas em 1978, criando assim a empresa familiar Bejo Zaden BV. Da união dessas forças foi literalmente plantada a semente do sucesso alcançado hoje. Motivada pela inovação e com os olhos postos no futuro, a Bejo continuou a florescer desde então. A diversidade dos cultivos continuou a crescer, as atividades internacionais expandiram-se e novas instalações foram construídas em Warmenhuizen (Países Baixos), onde até hoje está a sede da Bejo Zaden B.V.

  • romanesco

Presente no Brasil desde 2001, a Bejo Sementes do Brasil Ltda é hoje uma das mais respeitadas fornecedoras de sementes de hortaliças de altíssima qualidade, com grande valor agregado em produtos e serviços. Estabelecida em Bragança Paulista / SP, a Bejo atende o Brasil inteiro através de uma rede de parceiros comerciais dedicados e comprometidos com a cultura e a filosofia da empresa.
Nossos produtos são oriundos de um extenso programa de melhoramento genético, com técnicas modernas de produção e beneficiamento de sementes que chegam a você através de uma competente equipe de consultores técnicos e parceiros comerciais.

Sementes orgânicas de produtos diferenciados?

Quando ouvimos falar de produtos orgânicos a primeira pergunta que surge é: onde comprar as sementes.

Sambalina vende sementes orgânicas. Entre no site e veja a variedade, a maioria quase ninguém conhece. Muito legal navegar no site deles e verificar a variedade e quase todas são novidade para as pessoas da cidade.

Sítio Sambalina fica em Nova Petrópolis, no Rio Grande do Sul. A proprietária nascida em Rolândia, no Paraná, morou mais de 30 anos na Europa e retornou ao Brasil em busca de mais qualidade de vida no meio rural. Hoje, ela e sua família trabalham para preservar a diversidade de sementes orgânicas, nativas ou exóticas.

No site deles existem 73 variedade de tomate, impressionante. O problema é que as pessoas não estão acostumadas com coisas diferentes. Consomem o que é vendido nos supermercados e feiras. Novidades por vezes é mais caro, e para a maioria dos consumidores o preço fala mais alto, nem precisa ser orgânico. Caso do tomate azul:

O site deles está com problemas no carrinho de compra e o contato deve ser feito por e-mail.

Beringela rosa:

 

Only4 – o chocolate com açúcar de coco

Aumentam os lugares onde você pode encontrar o chocolate Only4. Você poderá continuar a comer um chocolate, agora sem se preocupar se tem muito açúcar ou leite, etc.

Veja os ingredientes básicos deste chocolate, sempre 4: massa de cacau, açúcar de coco, manteiga de cacau, óleo de coco extra virgem.

E a opção de sabor: chia, flor de sal, cramberry, normal e NIBS

NÃO CONTÉM GLÚTEN, LACTOSE, CASEÍNA E SOJA e OLEAGINOSAS.

Destaque para o de CRANBERRY, embalagem com itens em vermelho.

Informações do fabricante Genevy: Todos os produtos da Genevy são livres dos oito alérgenos alimentares mais comuns: trigo, leite, amendoim, nozes, ovos, soja, peixe e marisco. Além disso, nossos produtos são feitos em nossa fábrica livre de alérgenos, isentando a chance de contaminação por rastros. E tirando esses alérgenos não significa que o chocolate perderá o sabor ou a textura que você deseja, pois nós somos criativos com os nossos ingredientes para poder oferecer a você e sua família alimentos que são seguros e deliciosos. Nós usamos alternativas em nutrientes e ricos em sabor como chia, farinha de arroz, cranberrys. Em vez de gorduras hidrogenadas, usamos manteiga de cacau e óleo de coco. Para nós, ser alérgico não significa abrir mão de um delicioso chocolate ou barra de cereais.

Remédios, remédios…doenças, doenças?

Tenho notado já faz um tempinho como são abertas farmácias, poderia até exagerar e dizer que a cada esquina tem uma. E mais que a cada quilometro tem uma que funciona 24h, nas cidades maiores.

Na segunda e terça fui a farmácia para comprar um bendito remédio que tomo devido problema em uma unha do pé. Fui na Drogasil em Campinas (Nossa Sra. de Fátima) e tinha umas 10 pessoas na fila, parecia fila de banco – agora tem cadeiras para sentar e esperar para ser atendido. Desisti. Ontem, fui noutra Drogasil e fila para ser atendido no balcão e no caixa (na Barão de Itapura).

Fui na Raia perto de casa e também tinha 2 na minha frente, o que é normal. Finalmente comprei o remédio.

Agora, uma pergunta fica no ar: qual o motivo de se vender tanto remédio?

A resposta é óbvia, ficou doente tem que tomar remédios.

Pode-se procurar terapias alternativas como a Homeopatia, que funciona muito bem e eficaz – instantaneamente, basta acreditar e ter um bom médico. Tem a oligoterapia (Menetriér: Organismo é o conjunto do sistema de trocas – Medicina das Funções), e assim vai. Tomar o famoso Pianto-Biótico e Bio St. Joseph (leveduras produzidas no Grão-Ducado do Luxemburgo – Bioimex no Brasil). São muitas alternativas.

Será que podemos evitar remédios com uma alimentação mais saudável? Diminuir a quantidade de comida que ingerimos? Consumir orgânicos? Não comer alimentos de origem animal cru?

A nutricionista já vem com a primeira pergunta, não é, como estão suas fezes? Precisa usar papel para limpar ou jato de água? Se o seu intestino estiver normal e tomastes bastante água sai normal e não suja o papel higiênico. Se sair como bolinha é falta de água, apesar de não sujar o papel.

Isso é básico!

Então…

Acredito que se cuidarmos da alimentação, uma alimentação mais saudável e se possível com produtos orgânicos evitaremos doenças. Ter um PH alcalino, o cólon limpo e saudável.

Outro ponto, é a importância de movimentar o corpo. Para os mais idosos e outros, os exercícios funcionais ajudam muito (indico a CVida de Campinas). E a dança, não existe remédio melhor que praticar dança de salão numa academia de dança (indico a Casa da Dança de Campinas).

Por vezes, você tem problema de postura e te incomoda – procure um profissional de RPG. Acerta sua coluna e cervical a partir dos músculos (que se contraem com o tempo e mal posicionamento), sem utilização de força.

E se você não está se encontrando, não está bem consigo mesmo, faça uma terapia bioenergética (Reich & Lowen).

E finalmente faça as perguntas tradicionais: Quem sou? Para onde vou? De onde… Pode ser o início de um trabalho espiritual.

Você está alegre, feliz? Isso é o que importa, é estar bem. Até mesmo pode continuar a tomar seus remédios, se necessário. Não sou contra os remédios, mas sim sua utilização somente em intervenções necessárias.